Não me entendam mal, pois não estou fazendo nenhum julgamento, apenas passando uma informação!

Mamães,muitas vezes deixamos nos levar pelo que achamos bonito e engraçado e acabamos errando, um erro que serve para nosso aprendizado, amadurecimento e reflexão, isso é comum. Muitas vezes o “erro” pode ser imperceptível, mas outras ele pode se agravar. Estou falando da vaidade que nossas filhas copiam de nós, de querer fazer o mesmo que a gente e acabar se prejudicando.

Com a modernidade, as crianças, principalmente as meninas tem se espelhado muito nas mães, querendo ser adultas mais cedo, o que é preocupante, pois muitas atitudes são prejudiciais tanto ao futuro quanto a saúde das mesmas. 

Um exemplo que tem sido bastante frequente, é o uso de esmaltes e outros produtos com substâncias químicas prejudiciais a saúde e também a frequência com que essas crianças vão ao salão de beleza com as mães para se “embelezar”. Esse tem sido um processo mais comum do que gostaríamos. Nós mães, em sua maioria somos vaidosas, e gostamos de passar essa feminilidade para nossas filhas e achamos lindo quando elas tentam nos copiar, é natural, mas tudo tem seu tempo. 

Mas como tudo nessa vida tem sua hora, tem uma indicação, e contraindicação, não deve ser diferente com os métodos que usamos em nós adultas, pois quando falamos de crianças, falamos de seres mais frágeis, de um organismo que absorve mais qualquer coisa, que sofre mais com as circunstâncias e química é bastante prejudicial.

O uso de esmaltes não é recomendado para uso antes dos doze anos de idade, tendo em vista que muitos produtos usados contém princípios ativos tóxicos, como o benzeno, tolueno e balsamo de peru, e alguns desses componentes são alérgicos. A orientação dos dermatologistas, é que quanto menor o uso de esmaltes e mais tardio, menores são as chances de desencadear alguma alergia.

 

Porém, para a alegria das mamães e princesas vaidosas ou nem tanto já que não tem questões positivas quanto a essa prática, atualmente já existem marcas especificas que produzem esses produtos voltados para o público infantil, pois eles tem fácil remoção com água e sabão e não tem grande duração, mas ainda que seja menos ofensivo, é válido ser usado poucas vezes.
 
Quanto a frequentação de salões de beleza, atente-se a limpeza e esterilização dos objetos de uso para evitar contaminações e se possível é preferível que leve seu próprio kit. 

Hoje em dia, vale muito o ditado de que “todo cuidado é pouco”, principalmente quando falamos dos produtos que a indústria nos oferece, falo por experiência própria, que acabei adquirindo uma alergia a esmaltes, da qual não desejo para ninguém. A reação é terrível, deixa nosso rosto de uma forma lamentável, sim, a alergia se manifesta no rosto, e adquiri por ter usado muitos esmaltes e hoje em dia nem o hipoalergênico utilizado com frequência escapa de me dá alergia.

Então mamães, cuidado!! 

Vocês costumam fazer uso desse tipo de produto, com qual frequência? Sabiam dos riscos que eles trazem a saúde?
Sem mais artigos
%d blogueiros gostam disto: